Brasileirão Série B

Em Mogi, Bahia atinge quarto empate seguido e continua fora do G4

8/29/2015 11:06:00 PMReginaldo Júnior




Diante de um time que iniciou a 21ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro em último lugar, o Bahia não conseguiu encerrar sua sina de empates e perdeu a chance de entrar na faixa de acesso à elite. Neste sábado, em Mogi Mirim, o Tricolor ficou no 1 a 1 contra a equipe da casa.




Foto: Sobre Isso

O Bahia, que foi eliminado da Copa Sul-Americana ao levar goleada de 4 a 1 do Sport no meio da semana, acumulou o quarto empate seguido na Série B, todos por 1 a 1. Nesta noite, contudo, pode até comemorar o ponto conquistado, já que Matheus Ortigoza colocou o Sapão à frente, aos 14 minutos do segundo tempo, e Kieza conseguiu evitar a derrota, aos 30 minutos do segundo tempo.

O resultado deixou o Bahia com 35 pontos, mesma pontuação de América-MG, Sampaio Corrêa e Náutico. O time mineiro aparece em quarto lugar e o baiano fica atrás de todos eles nos critérios de desempate. O Mogi, por sua vez, só sobe uma posição e fica em penúltimo lugar, com 18 pontos, um acima do Ceará.

Na próxima rodada, o Bahia recebe o CRB às 20h30 (de Brasília) na próxima terça-feira, na Fonte Nova, em Salvador. No mesmo dia e horário, o Sapão segue tentando evitar o rebaixamento visitando o Sampaio Corrêa, no Maranhão.

O jogo – O primeiro tempo foi marcado pelo equilíbrio dos dois times, que buscavam balançar as redes, cada um de acordo com seu objetivo na competição. O Mogi tinha Matheus Ortigoza como referência e, aos 38, o atacante quase balançou as redes, em chute que desviou na defesa e bateu na trave.

Na volta do intervalo, o Bahia teve postura mais defensiva e o Sapão dominou o meio-campo, impondo mais ações ofensivas. Aos oito minutos, Ortigoza perdeu outra chance clara, quando, sem goleiro, embaixo da trave, conseguiu desviar para fora. Mas o atacante se redimiu, balançando as redes em cabeceio certeiro, aos 14 minutos.
 
Sem alternativa, o Bahia se lançou à frente e deu espaço para o Mogi contra-atacar. Aos 27, Ortigoza subiu sozinho e acertou o travessão. Mas, do outro lado, Kieza não errou. Aos 30, se jogou para completar cruzamento rasteiro de Zé Roberto e evitar a derrota, mantendo o time vivo na briga para voltar à primeira divisão.

FICHA TÉCNICA
MOGI MIRIM 1 X 1 BAHIA

Local: Estádio Romildo Vitor Gomes Ferreira, em Mogi Mirim (SP)
Data: 29 de agosto de 2015, sábado
Horário: 21 horas (de Brasília)
Árbitro: Leonardo Garcia Cavaleiro (RJ)
Assistentes: Gabriel Conti Viana e Wendel de Paiva Gouvea (ambos do RJ)
Cartões amarelos: Júnior Juazeiro e Fábio Sanches (Mogi Mirim); Alexandro, Jailton, Vitor, Souza e Tiago Real (Bahia)
 Gols:
MOGI MIRIM: Matheus Ortigoza, aos 14 minutos do segundo tempo
BAHIA: Kieza, aos 30 minutos do segundo tempo

MOGI MIRIM: Daniel; Michel Tiago, Fábio Sanches, Paulão e Dieguinho; Franco (Luiz Fernando), Magal, Memo e Everaldo; Matheus Ortigoza e Júnior Juazeiro
Técnico: Sérgio Guedes

BAHIA: Douglas Pires; Hayner (Tiago Real), Thales, Jailton e Vitor; Yuri, Gustavo (Zé Roberto) e Souza; Maxi Biancucchi, Kieza e Alexandro (Rômulo)
Técnico: Sérgio Soares

Fonte: Gazeta Esportiva


You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.